Este site usa cookies para recolher estatísticas e melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Saiba mais aqui

Visitantes: 96317



Via

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO DE APARELHOS DE VIA NA REDE FERROVIÁRIA NACIONAL, VIA LARGA

A presente prestação de serviços, da especialidade de aparelhos de via, foi adjudicada ao consórcio FUTRIFER/SOMAFEL/FERGRUPO/MOTA-ENGIL pela REFER, em fevereiro de 2015, e tem a duração prevista de um ano.
Constitui objeto da presente prestação de serviços efetuar os trabalhos de Manutenção Preventiva Sistemática para a qual se encontra definido um roteiro com a periodicidade pretendida para cada manutenção, bem como os trabalhos de Manutenção Preventiva Condicionada e Manutenção Corretiva que sejam solicitados nos aparelhos de via instalados na rede ferroviária nacional, e cuja realização venha a ser considerada necessária pela IP.
No contexto da Manutenção Preventiva Sistemática, as principais atividades consistem, genericamente, na limpeza e medição dos parâmetros significativos dos diferentes aparelhos de via, de modo a identificar os valores que divergem do normal desempenho operacional do equipamento e proceder, caso se verifique necessário, a calibrações e/ou à substituição de componentes.
No contexto da Manutenção Preventiva Sistemática, os principais equipamentos a intervir são:


•    Limpeza e lubrificação geral dos aparelhos;
•    Esmerilagem e rebarbagem preventivas das arestas das cróssimas, lanças e contra-lanças dos carris, JIN’s e JIC’s;
•    Correção das fixações e respetivos apertos, com verificação dos contatos;
•    Reaperto com binário controlado, dos batentes de lança, incluindo medição de folgas quando existentes;
•    Correção das cotas de salvaguarda, das bitolas, do ponto médio das cróssimas obtusas, ou a nova furação e ripagem de travessas (madeira), se necessário;
•    Substituição de topos isolantes e barretas em JIN’s;
•    Correção dos sistemas de transmissão;
•    Recolocação de palmilhas deslocadas ou em falta;
•    Substituição de chapas de identificação quando danificadas, ou em falta;
•    Pintura geral do aparelho de via;
•    Substituição de eventuais peças danificadas ou em fim de vida útil em equipamentos dotados de sistemas auxiliares de deslizamento de lanças.

No contexto da Manutenção Preventiva Condicionada e Manutenção Corretivas, serão realizadas as intervenções regeneradoras, ou seja, ações de reparação ou substituição de peças ou componentes deteriorados.